Superliga Masculina

  • Crédito: Reprodução/Divulgação

    Fiat/Minas levou a melhor em casa.

Equipes mandantes levaram a melhor na abertura do returno

Fiat/Minas, Sesi-SP e Sesc-RJ jogaram em casa e venceram os seus confrontos 
Por: Bruno - 12/01/2020 19:15:12

 

Além dos desafios envolvendo o líder Sada/Cruzeiro e o vice-líder EMS Taubaté Funvic, mais três partidas movimentaram a primeira rodada do returno. E nesses confrontos, o mando de quadra prevaleceu. As equipes que jogaram em casa saíram vitoriosas.

 

Na Arena Minas, em BH, o Fiat/Minas superou o Vôlei UM Itapetininga, por 3 sets a 0 - parciais de 26/24, 25/20 e 25/20. O ponteiro argentino Ocampo foi escolhido o melhor do duelo e ficou com o Troféu VivaVôlei. Ocampo ainda foi um dos que mais pontuou no jogo. O argentino e o oposto Felipe Roque anotaram 16 pontos cada um. 

 

Na Vila Leopoldina, o Sesi-SP superou o lanterna Ponta Grossa Vôlei, vencendo por 3 sets a 0 - 25/18, 25/23 e 25/21. O escolhido melhor em quadra foi o experiente central Sidão, que ficou com o Troféu VivaVôlei. Eric, do Ponta Grossa, foi quem mais pontuou na partida, derrubando 20 bolas na quadra adversária. 

 

E no Ginásio do Tijuca, o Sesc RJ derrotou o América Vôlei por 3 sets a 0 - 25/22, 25/19 e 25/22. O ponteiro Maurício Borges foi o escolhido para receber o Troféu VivaVôlei. Três jogadores do Sesc terminaram como os maiores pontuadores do jogo. O oposto Daniel e os centrais Flávio e Gustavão, que fizeram 10 pontos cada um. 

 

Compartilhe



Veja também...

    Deixe um comentário

    Seu e-mail não será publicado. Campos Obrigatórios *

    Publicidade
    Publicidade
    Publicidade